Lista de ferramentas automotivas especiais e cuidados necessários

Scanner automotivo

Atualizado em 13 de julho de 2021

Ferramentas automotivas especiais são instrumentos que permitem facilitar o trabalho dos reparadores e garantir a segurança do carro. Apesar de serem mais caras, contar com um quadro de ferramentas especiais faz toda a diferença em relação ao tempo.

Imagine essa situação: você vai até uma borracharia para trocar um pneu.

Mas o borracheiro não tem um macaco, então ele usa alavanca para erguer o carro. Além de demorar mais tempo, poderia danificar a lataria do carro.

Nas reparadoras não é diferente. Muitos consertos exigem ferramentas adequadas. Você sabe quais são as ferramentas especiais para oficina e como conservá-las? 

Ferramentas automotivas especiais

O mais básico quadro de ferramentas especiais precisa ter:

  • Osciloscópio
  • Scanner
  • Multímetro
  • manômetros de pressão
  • instrumentos de medição precisas

Vamos falar de cada um deles a seguir, e como essas ferramentas devem ser guardadas para aumentar a sua vida útil.

Osciloscópio

O osciloscópio automotivo é um instrumento que permite observar, analisar e armazenar sinais de tensão. É usado na área da manutenção automotiva para ler sinais sonoros, principalmente a vibração do motor. Quando conectado ao carro os sinais se tornam visíveis por meio de uma tela. Pode ser encontrado na versão analógica ou digital.

Scanner automotivo

Scanner automotivo

Scanner automotivo é conectado ao veículo por um plugin, diagnostica diversos tipos de problemas a serem encontrados no carro, principalmente na parte elétrica. O que um reparador levaria horas para descobrir testando individualmente cada sistema, um scanner automotivo completo pode fazer em minutos. 

Alguns modelos incluem em seu sistema outras ferramentas, como o osciloscópio, por exemplo.

Multímetro 

Multímetro
Multímetro

O multímetro ou multiteste, está entre as ferramentas especiais para auto elétrica. Esse aparelho mede a resistência elétrica, corrente contínua e corrente alternada. Assim como o osciloscópio possui duas versões: analógica (com ponteiro) e digital. Entretanto, esse aparelho é limitado quando comparado ao osciloscópio, que possui mais recursos. 

Além disso a sua função não é exclusivamente para o setor mecânico, é bastante usado na indústria e em outros segmentos. Trata-se de um aparelho de fácil manuseio e respostas rápidas.

Instrumentos de medições precisas

O uso dos instrumentos de precisão durante o reparo são fundamentais para o carro ter um bom desenvolvimento. Um freio, por exemplo, precisa ser instalado com a medida correta. Caso isso não ocorra o disco pode romper em uma frenagem brusca, o que causaria um acidente.

Logo, essas ferramentas de medição são fundamentais, quando ignoradas, o reparador pode estar colocando em risco famílias inteiras. 

  • Manômetros de pressão: é usado para conferir com precisão a pressão hidráulica, faz parte das ferramentas especiais para câmbio automático, sistemas do combustível, arrefecimento entre outras. 
  • Paquímetro: Ferramenta que mede centésimos, muito utilizada pelas reparadoras. Principalmente para verificar o tamanho de uma peça ou distância entre duas. Entretanto, deve-se averiguar se a espessura externa da peça medida, ou rebarbas não irão interferir na medida. Na inviabilidade deste, deve ser usado um Micrômetro.

  • Micrômetro: Se o paquímetro mede centésimos, o micrômetro mede milésimos. É usado justamente quando ocorre algum risco de o paquímetro não ser exato. Para o uso deste deve ser observado o manual de instruções.
  • Torquímetro: é usado quando for necessário medir o aperto de um parafuso ou porca. Em determinados locais do carro, como no sistema da roda, um parafuso mal ajustado pode causar um desequilíbrio no veículo. 
  • Goniômetro: Assim como o torquímetro, é uma medida de precisão para apertar porcas e parafusos. A diferença entre eles é que com o goniômetro é possível obter resultados mais precisos, como no cabeçote, por exemplo. 
  • Relógio comparador: é fabricado na versão analógica ou digital. Como o próprio nome já diz: o relógio comparador, compara superfícies paralelas ou planas que necessitam de medidas exatas entre si.  

Além dessas, existem outras como ferramentas especiais para caminhões e tratores. Ou destinadas a marcas específicas como ferramentas especiais Ford e Honda. Para o uso destas, normalmente se trata de uma mecânica especializada e a busca deve ser bastante específica de acordo com a necessidade da reparadora.

Cuidados com ferramentas automotivas especiais

  • Todas as ferramentas citadas devem estar guardadas em locais específicos, ou seja, não podem ficar juntas com as ferramentas comuns. Evitando assim, que entrem contato com a ferrugem, graxa ou risco de quebrarem.
  • Devem ser mantidas longe de locais úmidos, como poeira, ou produtos químicos.
  • As ferramentas de medições precisas não podem sofrer choques ou quedas. Por se tratar de instrumentos de medição, mesmo que não quebrem, a queda pode danificar o aparelho interferindo na precisão da medida.
  • Scanner, multímetro e osciloscópio são equipamentos elétricos, os cuidados citados acima devem ser redobrados nesses equipamentos.

Manuais técnicos, um sistema de precisão

Manuais técnicos são ferramenta de trabalho, pois fornecem valores de referência e instruções para o reparo de todos os sistemas veiculares (não somente carros de passeio, mas caminhões, ônibus e máquinas agrícolas).

Logo, são fundamentais em qualquer reparadora, só assim é possível alcançar a excelência em reparos automotivos.