Checklist para oficinas: entrada e saída de veículos com segurança

Checklist para mecânico

Atualizado em 21 de março de 2022

Ter checklist para oficinas é fundamental, tanto para a organização, quanto para a segurança da reparadora.

Imagine essa situação:

Na hora de devolver o carro, o cliente se queixa que tem um risco na lataria. Porém, o mecânico responsável pelo veículo afirma que o carro já chegou assim na oficina.

Qual é a solução do problema? Verificar o checklist!

Mas não existe checklist. E agora?

Por isso, é importante ter as informações organizadas e à mão para qualquer consulta.

No texto, você confere dicas importantes na hora de fazer o checklist e um modelo completo para baixar.

Importância do checklist de entrada e saída de veículos

Conhecido como checklist de inspeção ou de entrada, o documento serve para assegurar todas as partes envolvidas.

Por um lado, o proprietário não vai ter quer arcar com o prejuízo, caso o carro sofra alguma avaria durante o processo de restauro.

Do outro, o reparador evita que o dono o acuse injustamente de ter danificado seu veículo.

Muitas vezes deixamos de lado o checklist, pois estamos acostumados a fazer aquele serviço, então é comum pensar: “eu já sei, não precisa”.

Porém, é justamente por isso que o checklist se faz necessário.

Case Boeing B-17: falta de checklist pode custar vidas

Quando ganhamos autoconfiança, um pequeno esquecimento pode custar vidas.

Na verdade, isso já aconteceu e foi nessa situação que o checklist ganhou forças.

Em 1935, um avião do modelo Boeing B-17, considerado um dos mais sofisticado da época, caiu logo após decolar.

Os dois pilotos experientes e únicos tripulantes a bordo faleceram.

Na perícia foi averiguado que eles esqueceram de retirar as travas dos comandos gust lock (rajadas de vento).

Esse esquecimento aconteceu por conta do excesso de confiança deles.

A partir de então a Boeing adotou o checklist como inspeção obrigatória antes da decolagem.

Checklist: entrada de veículos na oficina

O checklist de entrada possui uma lista de itens que precisam ser inspecionados no veículo antes do cliente deixar o carro na reparadora.

O documento pode ser impresso ou digital.

Confira alguns dados que devem contar obrigatoriamente no checklist da sua oficina:

  • Dados do cliente: nome/empresa, telefone, endereço;
  • Dados do veículo: marca, modelo, placa, chassi; quilometragem;
  • Objetos deixados dentro do carro: estepe, tapetes, macaco;
  • Estado de conservação do carro: lataria, bancos, pneus.

Normalmente, os checklists contam com uma imagem gráfica para facilitar a descrição.

Imagem para checklist
Legenda: A = Amassado R = Riscado X = Quebrado

Além disso, é necessário umas quatro ou cinco linhas em branco para descrever as observações necessárias.

Se a avaria for em uma das poltronas, por exemplo, a imagem acima não poderá ajudar na descrição.

Checklist de saída do veículo

Como já mencionado, o checklist de saída nada mais é do que a conferência do serviço prestado.

Tudo que foi apontado no checklist de entrada deve ser conferido na hora de entregar o veículo ao dono.

Juntamente com o condutor verifica-se as condições do carro. Se não sofreu nenhum dano, se as marcações do painel continuam iguais e se os pertences deixados no veículo continuam ali.

Estando tudo correto, os dois assinam novamente o checklist. Encerrando assim, o serviço prestado.

Checklist para oficinas: você no controle da situação

A ficha de inspeção de veículo checklist deve ser preenchida na presença do cliente.

Ambos precisam assinar o documento duas vezes: uma na hora da vistoria e a segunda na devolução do carro.

  • Assinatura do reparador: a primeira assinatura, deve constar logo abaixo das observações. Já a segunda deve ser na devolução do veículo.
  • Assinatura do condutor: o condutor deve assinar a primeira vez assim que fizerem a vistoria. Já a segunda deve ser logo após conferir o carro no momento da devolução.

Checklist digital para oficina

Hoje em dia o checklist digital vem ganhando a preferência dos reparadores.

Além de evitar uma pilha de papel, a nova modalidade permite algumas melhorias. Como um espaço para adicionar fotos, demonstrando onde o carro possui alguma avaria.

Confira alguns aplicativos de checklist digital para oficina mecânica:

Além das opções citadas, existem outras. Você deve escolher uma de acordo com a necessidade da sua reparadora.

Checklist não substitui OS

O checklist para oficinas não isenta a responsabilidade de contar com o modelo de ordem de serviço (O.S).

Enquanto o checklist assegura o estado atual do veículo, a O.S registra o que precisa ser consertado no carro e o valor.

Juntamente com o checklist para oficinas, temos outros três assuntos que se complementam para garantir a transparência entre o reparador e o cliente: